sexta-feira,23 fevereiro 2024
CuriosidadesDesempregado, advogado envia foto sem camisa para conseguir emprego em vez...

Desempregado, advogado envia foto sem camisa para conseguir emprego em vez do currículo

Desempregado, advogado se acha “fortão” e envia foto sem camisa para conseguir emprego em vez do currículo.

Sem sucesso nas seleções de emprego em sua área, Brian Zulberti, de 30 anos, enviou fotos sem camisa exibindo os músculos no lugar do currículo para vários escritórios do estado de Delaware, nos Estados Unidos.
Formado em direito em 2009, advogado achou que seria uma boa oportunidade de conseguir emprego e preferiu mostrar seus músculos a explicar sua pouca experiência em advocacia.

Foto: Reprodução/Facebook

Em prol da brevidade e para não ser ainda mais irritante do que eu já sou, não estou incluindo mais informações sobre mim. Tudo o que peço é que se você está à procura de alguém com formação em Direito […] me avise e eu mando a você algumas informações sobre mim“, informa o advogado no e-mail.

Em uma das fotos, Zulberti, que não é tão forte quanto pensa ser, aparece sem camisa, naquelas tradicionais imagens feitas diante do espelho com um celular.
Fixado no espelho, um cartaz traz a seguinte frase: “Me contrate!!! Não… como um advogado, droga, não como um acompanhante. Espere: é algo que estou usando?

O e-mail enviado por Zulberti a escritórios e empresas de advocacia de todo o estado de Delaware acabou circulando entre os profissionais da área — mais pelo lado cômico do que pela possibilidade de estar diante de um prodígio do direito.

A verdade é que o advogado virou motivo de piada entre os colegas de profissão na internet.

Fonte: R7

E você? Faria o mesmo que Zulberti fez?

Perfil editorial do Megajurídico, criador e editor de conteúdo.

1 COMENTÁRIO

  1. Nossa,como ele é forte. Parece um alien do filme homens de preto, aquelas minhocas que só tomam café e fuma cigarro.

Comentários fechados

spot_img

Seja colunista

Faça parte do time seleto de especialistas que escrevem sobre o direito no Megajuridico®.

Mais do(a) autor(a)

Últimas

- Publicidade -