sábado, 13/julho/2024
Poesia jurídicaSomos todos candidatos sujeitos aos casos fortuitos e às forças maiores

Somos todos candidatos sujeitos aos casos fortuitos e às forças maiores

Em meio à perplexidade da morte do candidato à presidência da República Eduardo Campos, escrevi uma poesia delicada sobre a questão abstrata de “quem somos nós?” .

somos todos candidatos

Poerídica: Somos todos candidatos

Quem somos nós?

Somos candidatos,

Candidatos a sermos

mais felizes.

Candidatos a vivermos

com deslizes…

 

somos sujeitos

aos casos fortuitos,

às forças maiores,

não somos melhores

nem piores,

somos sujeitos

ativos e passivos

da ordem e da desordem,

do progresso

e do retrocesso.

 

Nós somos

seres vulneráveis

de certezas e enganos.

Nós não somos

totalmente sábios,

nem tão insanos,

somos candidatos

a sermos mais

humanos.

 

Somos candidatos,

pois não somos titulares

de nada nesse mundo.

Somos candidatos,

pois apesar dos pesares

vamos para o mesmo fundo.

 

Candidatei-me a ser estudante,

candidatei-me a ter uma profissão,

candidatei-me a seguir adiante,

mas a vida é uma grande imprevisão.

 

Candidatei-me a ter bens materiais,

candidatei-me a ser casado,

candidatei-me a viver mais,

mas o que será eternizado?

 

Se nada é pra sempre,

estaremos sempre

em processo

de candidatura,

de aprendizado,

de trabalho,

de esforço,

de luta!

De luto

seguimos por um momento,

na vida temos incidentes

e acidentes,

querendo ou não querendo

nossa formação partidária

“parte” da gente.

 

Não somos perfeitos,

não seremos eleitos

a ficar

como autor e réu.

Somos poesias e atos,

somos todos candidatos

a conquistar

vagas no céu.

Escritor, poeta e advogado.

Receba artigos e notícias do Megajurídico no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/megajuridico.
spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do(a) autor(a)

Most Read

Seja colunista

Faça parte do time seleto de especialistas que escrevem sobre o direito no Megajuridico®.

Últimas

- Publicidade -