no principio

Poerídica: Nos princípios de Direito…

 

Nos princípios complexos,

nos desentendemos, brigamos…

Nos princípios não expressos,

nos aproximamos, nos renovamos…

Mas é no Contraditório inverso

que nos desafiamos.

 

No princípio da eficiência,

meu ato em seu ato se satisfaz…

No princípio da competência,

atingimos a íntima paz…

Mas é na Carência

que pedimos sempre mais.

 

No princípio da jurisdição,

pedimos reforma do que deu errado…

No princípio da harmonização,

a tristeza transitou em julgado.

Mas é na Reconciliação

que você volta ao meu lado.

 

No princípio da igualdade,

nosso corpo entra em chamas…

No princípio da moralidade,

nossa saudade reclama…

Mas é na Dignidade

que a gente se ama!

Escritor, poeta e advogado. Idealizador do projeto "Poerídica" (poesia jurídica) (fb.com/poeridica). Vencedor do Prêmio Nacional UFF de Literatura 2009 e do IV Prêmio Moledo Sartori de Monografia Jurídica 2012. Servidor Público e pós-graduado em Gestão Pública na Escola de Contas e Gestão do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta