quarta-feira, 24/julho/2024
ArtigosBig Brother Brasil: ofensa a Constituição

Big Brother Brasil: ofensa a Constituição

Por: Helen Dibout*

Quatorze anos. Sim, quatorze anos com Big Brother Brasil. Seriam anos de violação a nossa legislação maior ou anos de um programa televisivo de entretenimento?

 

O Big Brother Brasil é um reality show onde determinado grupo de pessoas ficam confinadas e todos os seus atos são gravados e mostrados ao vivo durante 24 (vinte e quatro) horas por mais ou menos 3 (três) meses. Para aquele que conseguir conquistar o público e ser o último a deixar o programa há um prêmio em dinheiro, além da fama, é claro.

Toda vez que uma nova edição começa os comentários sobre a violação a nossa Constituição, nos direitos e garantias fundamentais tais como liberdade, honra, imagem, até dignidade, se inflam em debates e opiniões de vários especialistas. Se discute o fato dos participantes aceitarem serem submetidos a perda temporária destas garantias. Se eles podem negociar em um contrato seus direitos mais preciosos.

big brother brasil ofensa a constituicao

 

Minha opinião é de que o BBB viola a Constituição Federal. Vou explicar os motivos que me fazem chegar a esta conclusão.

Não bastasse ferir as garantias dos participantes, o que pra mim não faz tanta diferença assim, afinal cada um faça o que quiser com sua própria vida, mas fere ainda a todos nós. Explico.

 

A Constituição Federal prevê no artigo 221 que “a produção e a programação das emissoras de rádio e televisão atenderão aos seguintes princípios: preferência a finalidades educativas, artísticas, culturais e informativas; promoção da cultura nacional e regional e estímulo à produção independente que objetive sua divulgação; regionalização da produção cultural, artística e jornalística, conforme percentuais estabelecidos em lei; respeito aos valores éticos e sociais da pessoa e da família”.

 

A mim é cristalino que o programa está longe de promover qualquer finalidade artística ou cultural, muito menos que respeite qualquer valor ético da pessoa ou família.

O consumo desenfreado de bebida alcóolica nas festas, a mulher vista como objeto, a exaltação ao sexualismo, mentiras, falsidade, ganância e o desejo incontrolável por dinheiro e fama, são as ilusões criadas nas mentes dos telespectadores.

Além da baixa qualidade do programa, ainda há a preocupação com o horário de exibição, bem depois da novela. Nestes horários muitas crianças estão acordadas, além de adolescentes. Pessoas que ainda estão na formação do seu caráter e personalidade são induzidos por este tipo de informação. Cria-se a nova sociedade: sem caráter, sem princípios, todos buscando poder e fama sem qualquer escrúpulo.

 

Mas então você deve estar se perguntando o motivo que leva a esta emissora a conseguir realizar a 14° edição do programa, afinal são 14 (quatorze) anos sem interrupção do programa e sem proibições.

A estimativa é de que a emissora arrecade cerca de 161 milhões de reais este ano, tendo em vista que na última edição, em 2013, a arrecadação chegou a 143 milhões. Sim, dinheiro, puro e simples.[1]

 

O que se espera é que a Constituição Brasileira seja respeitada, levando em conta também a liberdade de expressão, mas sem ferir princípios fundamentais individuais e coletivos mais importantes, de mais ampla abrangência como dignidade, liberdade, honra e imagem. Mas infelizmente o que se vê é que o dinheiro compra tudo.

 

 

 


[1] Valores mencionados em: http://www.bahianoticias.com.br/principal/artigo/606-bbb-pornografia-em-rede-nacional.html

*Helen Dibout,bacharel em Direito na FAAT- Faculdades Atibaia, Pós Graduanda em Constitucional pela Damásio de Jesus, Graduanda em Filosofia pela USP. Advogada especialista em Constitucional.

envie-artigo-pj

 | Website

Você pode enviar seu artigo para ser publicado. Leia a página COLABORE e saiba mais.

Receba artigos e notícias do Megajurídico no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/megajuridico.
spot_img

1 COMENTÁRIO

  1. PARABÉNS pela análise, sóbria e coerente! Tudo o que foi posto aplica-se ao BBB20 que tenho o desprazer de acompanhar, só pela captação dos pontos negativos e ultrajantes aos quais os participantes são submetidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do(a) autor(a)

Most Read

Seja colunista

Faça parte do time seleto de especialistas que escrevem sobre o direito no Megajuridico®.

Últimas

- Publicidade -