Mais uma vez, um jogador brasileiro foi alvo de racismo no futebol. Esta cena tem se tornado, infelizmente, comum, onde grupo de torcedores decidem ofender algum jogador negro o chamando de macaco, fazendo sons de primata ou jogando bananas em campo. Foi o que aconteceu com Daniel Alves, jogador do Barcelona.

 

No último domingo, dia 27, aconteceu com o brasileiro Daniel Alves, do Barcelona. Foi arremessada uma banana contra o brasileiro, com o objetivo de chama-lo de “macaco”. Mas o lateral respondeu ao ato racista com criatividade. Pegou a banana que havia sido atirada para ele, descascou e comeu.

 

Racismo do futebol Daniel Alves

 

Após o término do jogo, a atitude do jogador foi exaltada. Josep Guardiola, ex-técnico de Dani Alves, comentou durante uma coletiva que “o racismo está em todo lugar. Toda a sociedade tem culpa nisso. O que aconteceu ontem (domingo) só vai parar quando todos forem educados da maneira correta. De certa forma, somos todos responsáveis pelo que aconteceu.”

 

Confira o vídeo:

 

Neymar, postou em redes sociais uma foto comendo banana e um vídeo que trazia a reflexão sobre a ofensa racista. “A melhor maneira de acabar com o preconceito é tirar seu peso. Uma ofensa só pega quando irrita você”, diz o vídeo, acompanhado pela hashtag #somostodosmacacos.

A partir dai, muitas pessoas, tanto celebridades, quanto pessoas comuns, se solidarizaram e passaram a compartilhar frases e fotos nas redes sociais com a hastag #somostodosmacacos, lançando uma campanha reforçando o combate ao preconceito.

 

Houve críticas, claro!
Algumas pessoas acharam que a campanha foi extremamente endossada pela mídia e celebridades.
Até Luciano Huck foi criticado por usar campanha ‪#‎somostodosmacacos‬ para vender camiseta.

 

contra o racismoCom banana ou sem banana…SOMOS TODOS IGUAIS!
Racismo é Crime!

 

Qual a sua opinião?
Concorda com a campanha?

Deixe uma resposta